domingo, 23 de dezembro de 2012

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

confusões estacionais

verão-inverno
inverno-verão
saia do de inverno
meia durante o verão
meio inverno
metade do verão
aquecimento global.

domingo, 16 de dezembro de 2012

tem os que passam
e tudo se passa 
com passos já passados

tem os que partem
da pedra ao vidro
deixam tudo partido

e tem, ainda bem,
os que deixam
a vaga impressão
de ter ficado




                                                  [alice ruiz]

domingo, 28 de outubro de 2012

já entendi: tudo é muito contraditório no mundo, então porquê não ser também?

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

sábado, 30 de junho de 2012

só pra encerrar o mês.

aviso

'e até pra morrer
você tem que existir'
viver dá trabalho, morrer tbm. é isso [pelo menos eu acho q é isso. pq eu NUNCA tenho certeza de nada nessa vida, deve ser culpa meu ascendente em gêmeos]. e por não ter certeza de quase nada, raramente tomo iniciativas.
inclusive, o bom de fazer mapa astral, é que vc tem a quem culpar... existe uma desculpinha pra TODOS os seus defeitos [até os mais terríveis, acredite], por isso eu recomendo a todos que façam. sou indecisa pelo meu ascendente em gêmeos. sou preguiçosa pelo meu sol em touro. sou irônica e não demostro sentimentos pela minha lua em aquário. viram?
confesso q ando/sou um pouquito dramática [e essa característica contradiz minha lua em aquário. veja bem, eu não disse que o zodíaco é perfeito, e sim que temos a quem culpar algumas vezes]. por esse, e por outros motivos esse blog aqui anda ridículo [mais do q o normal], novela mexicana, cheia de posts inúteis e superpessoais [e isso deve ser culpa dessa fase da vida que tá demorando pra caramba pra passar, ou talvez seja culpa desse 2012 bizarro. não encontro outra palavra que se adeque melhor a esse ano]. 
perdão. mas agora é assim: deu na telha, escrevo. por isso já não garanto qualidade, nem continuidade de idéias. como devem ter percebido.
beijo na testa. e só pra avisar: em julho sumo. motivo: aventura [pelo menos tentativa de].

sexta-feira, 29 de junho de 2012

sobre a vida

a vida anda de pernas para o ar, em todos os sentidos. cadê a lei da gravidade?
pra quem tava na inércia até esses dias, é muita emoção brasil.

sexta-feira, 22 de junho de 2012

rumos

"o senhor poderia me dizer, por favor, qual o caminho que devo tomar para sair daqui?
isso depende muito de para onde você quer ir, respondeu o gato.
não me importo muito para onde, retrucou alice.
então não importa o caminho que você escolha, disse o gato.
contanto que dê em algum lugar, alice completou.
oh, você pode ter certeza que vai chegar se você caminhar bastante."

[alice no país das maravilhas, lewis carroll]

segunda-feira, 18 de junho de 2012

pão e circo

essas pessoas da sala de jantar
são ocupadas em nascer e morrer.

quinta-feira, 14 de junho de 2012

a wikipédia define.

COSMOS: "tudo o que já foi, tudo o que é e tudo que será". não digo mais nada.

quarta-feira, 6 de junho de 2012

a linguagem é fonte de mal-entendidos

'... se tu queres um amigo cativa-me!
- que é preciso fazer? perguntou o principezinho.
- é preciso ser paciente, respondeu a raposa. tu te sentarás primeiro um pouco longe de mim, assim, na relva. eu te olharei com o canto do olho e tu não dirás nada. a linguagem é fonte de mal-entendidos. mas, cada dia, te sentarás mais perto...'

[o pequeno príncipe, pág. 70]

sol, céu, mar.











terça-feira, 29 de maio de 2012

sem título

coisas que ouvi nas últimas semanas [não exatamente elogios, apenas observações de pessoas aleatórias]:
*que sou calma
*boazinha
*que tenho MUITA paciência

condizente com a realidade?: uhm, então...

meta: ser tudo isso.

comentário da amiga: aparentemente sou tudo isso [entendam, não é por falta de personalidade]

minha conclusão sobre as últimas semanas: me falta um pouco de extinto de sobrevivência.

o que penso da vida: sei lá.

sei. isso foi universo paralelo. a vida tem sido assim, os acontecimentos também. mas não me levem tão a sério, só isso.

sábado, 26 de maio de 2012

sábado de céu aberto

depois de passar o sábado todinho praticamente de cama, cheguei 'a conclusão de que sinusite dói. e ela vem quando você menos espera.

terça-feira, 22 de maio de 2012

desisticansei.

desisti antes mesmo de tentar. simples assim, justamente pq as pessoas são tão complicadas. e imprevisíveis. cansei de brincar.

terça-feira, 15 de maio de 2012


'a vida não imita a arte. imita um programa ruim de televisão.'

[paulo leminski]

segunda-feira, 14 de maio de 2012

realidade

hahahaha, ÓTEMA

mães e o hábito de destruir o impulso criativo dos filhos DESDE SEMPRE. [via Artista da Depressão]



domingo, 13 de maio de 2012

gargalhadas



desculpem [se é que alguém ainda passa por aqui...] mas como já deu pra perceber, não ando muito criativa.
já não escrevo histórias tão engraçadas como fazia... não sei se pq elas já não acontecem mais, ou se não ando encarando a vida com o bom humor de antes. fato é que passei por dias MUITO difíceis [na minha concepção], mas tô melhor... e a única coisa que tenho feito nesse blog [na grande maioria das vezes] é postar vídeos de música [pq eu ando 100% musical] e junto colocar um trecho [e é isso que vou fazer mais uma vez! hehe].
as músicas que estava postando eram do estilo 'cortar os pulsos com faquinha de rocambole' [estilo que sinceramente me agrada e atrai bastante. e esteve bem presente na vida nos últimos dias]. mas, percebam que a música de hje é um pouco mais sorridentegargalhadiana.

'Sorrir mais
Soltar gargalhadas
Deixar pra trás
O que te entristece'

segunda-feira, 7 de maio de 2012

nota

descobri ontem que o inferno astral não termina no dia do aniversário. triste. espero sinceramente que termine no máximo no dia seguinte.

quinta-feira, 3 de maio de 2012

terça-feira, 1 de maio de 2012

yayoi kusama

"uma bolinha tem o formato do sol, que é o símbolo de toda a energia do mundo e da vida humana, e também tem o formato da lua, que é a calma. redonda, suave, sem sentido e desconhecida. bolinhas se tornam movimento. bolinhas são o caminho para o infinito" 
[yayoi kusama]





terça-feira, 24 de abril de 2012

'não sei como contar-lhe, muito menos se, algum dia, ela deveria saber. precisamos mesmo contar tudo para sermos honestos? talvez não. talvez a honestidade esteja no silêncio ou em  qualquer outro lugar.'

[daniela gutfreund, 2009]

segunda-feira, 23 de abril de 2012

outra de ônibus

qual é MUNDO? UNIVERSO? COSMOS?
hje foi daqueles dias... mil coisas devidamente anotadas para serem resolvidas, já q tenho folga 'as segundas-feiras.
tudo planejado e nada resolvido. 
mas o foco principal do dia era chegar no aeroporto pra tomar vacina de febre amarela. e não cheguei.
saí de casa, peguei um ônibus pro centro, tinha anotado os números de ônibus q poderia pegar no centro. cheguei no centro [achando q tinha decido no ponto certo], e pedi informação pra um senhor muito simpático por sinal, perguntei onde era o ponto do bus pro aero. é só as pessoas sorrirem e serem simpáticas pra me conquistarem [só mesmo], aí como o senhor citado acima fez isso, já achei q era meu dia de sorte, q o universo estava conspirando a meu favor, e que a humanidade tinha solução [tudo por 1 sorriso]. 
maaaas, me enganei mais uma vez. o senhor foi simpático sim, mas me mandou ir pra um ponto de ônibus-e eu fui. mas fiquei uns 40 minutos e nada... nada. aí pedi informação pra umas 200 pessoas [não tão simpáticas qto o primeiro] e algumas pessoas não sabiam do q se tratava... outras não tinham certeza, e outras confirmaram. enfim, aí passou um ônibus escrito AEROPORTO reto. ou seja: aquele não era o ponto dele. resolvi sair correndo atrás dele pra ver onde era o bendito ponto, mas não consegui alcançar [ó, sério isabela? não me diga]. resumo: me perdi pela minha falta de noção geográfica, por não saber nome das ruas [e por outros vários motivos]. aí andei andei andei, e cheguei numa rua q já tinha visto antes [algo familia]. aí nessa altura eu já tava quase desmaiando pq tinha saído de casa sem almoçar e resolvi pegar o bus pra casa.
desculpa se alguém leu essa história ridícula, perdeu seu tempo, pq não tem final. desculpa, mas precisava desabafar e deixar registrado.

domingo, 22 de abril de 2012

tempo de pipa.


'eu não sou ninguém de mais
e você também não é.'

quinta-feira, 19 de abril de 2012

meu ciclo de vida

NASCER----> CRESCER-----> passar por muitas CRISES [de idade, identidade, comportamental, existencial. sintomas que aparecem principalmente e mais frequentemente no período de ocilações hormonais (nossa velha conhecida amiga TPM), ou de inferno astral]-----> MORRER. isso resume tudo.

sábado, 14 de abril de 2012

é isso

não vou mais planejar os dias, a vida. é isso.

segunda-feira, 9 de abril de 2012

é o mundo q anda hostil, o mundo todo é hostil

HOSTILIDADE é um sentimento que o ser humano tem que representa um tipo de violência emocional e rivalidade, por parte de uma pessoa, um grupo de pessoas grandes e um grupo de pessoas pequenas. um dos conceitos da hostilidade pode significar de passar da violência emocional à uma agressão física. em alguns casos de hostilidades entre nações pode referir um conflito armado em forma de guerra e grandes exércitos mediantes a invasão ou atos violentos e armados.
[via wikipédia]

e não. eu não tô brincando... vou começar uma nova campanha "por um  mundo menos hostil". pq já tô ficando triste.
[o título é da letra do los hermanos "de onde vem a calma", hehehe]

quarta-feira, 4 de abril de 2012

segunda-feira, 2 de abril de 2012

segunda-feira, 26 de março de 2012

milagre de domingo

milagre é quando alguém te manda uma msg domingo 9 e pouco da manhã, dizendo q tem um ingresso sobrando para, nada mais, nada menos do que o show do CHICO [é, o buarque] pq a mãe desistiu da idéia.
éam gente, a última coisa q eu esperava de um domingo. por isso é milagre.
[brigaaada paty, sua linda!]

domingo, 25 de março de 2012

histórinha

quero uma kombi dessas pra ir até o méxico. fim.

segunda-feira, 19 de março de 2012

não sei a fonte, mas minha amiga lembrou de mim :)

`a criatividade é a inteligência a divertir-se.'
tão bom qdo lembram da gente com uma frase dessas... é pra dormir feliz.

domingo, 18 de março de 2012

já foi dito

'a imperfeição é bela, a loucura é genial e é melhor ser absolutamente ridículo que absolutamente chato' 

[marilyn monroe]

sábado, 10 de março de 2012

???

o totó não respondeu, mas eu respondo: não existe não meu bem. mas se por acaso algum dia vc encontrar, me avisa q eu tô dentro!

quinta-feira, 8 de março de 2012

tô passada

se dizer que pra vc é impossível ser falsa, e a outra pessoa disser que isso é um argumento irrelevante [numa tentativa de solucionar problemas de relacionamento  gerados dentre outros motivos por falsidade de terceiros], então não sei mais o que é de relevância.
definitivamente: a sinceridade deve estar fora de moda. eu tô fora de moda.

quarta-feira, 7 de março de 2012

peso X leveza

"O seu drama não era o drama do peso, mas o da leveza. O que se abatera sobre ela não era um fardo, mas a insustentável leveza do ser."

[a insustentável leveza do ser, milan kundera]

segunda-feira, 5 de março de 2012

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

descoberta

tô mais pra analógica do que pra digital. descobri meio tarde, mas deu tempo.

domingo, 19 de fevereiro de 2012

metas encontram-se no meio do caminho

'duas vontades dispersas estendendo-se pela américa, sem saber exatamente o que procuram nem qual é sua meta.'

[outra vez,  ernesto che guevara , pg.17]

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

quero

liberdade.liberdade.liberdade. 
édissoqueomundoeeuprecisamos.

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

por aí

nos muros de sp: 'ver a cidade'. ou veracidade se preferir. seria bom se fizéssemos o primeiro e praticássemos o segundo.

sábado, 11 de fevereiro de 2012

doce solidão

posso estar só
mas sou de todo mundo
por eu ser só um
ah, nem! Ah, não! Ah, nem dá!
solidão, foge que eu te encontro
que eu já tenho asa
isso lá é bom, doce solidão 

[marcelo camelo]

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

domingo, 5 de fevereiro de 2012

seis minutos

depois do show de ontem, não dava pra passar em branco

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

choro em filme de criança

se chorar em toy story 3 te faz oficialmente uma manteiga derretida, eu definitivamente sou uma.

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

domingo, 15 de janeiro de 2012

sábado, 7 de janeiro de 2012

muros

"achei um barato essa conquista do espaço urbano. na realidade, os muros não são de ninguém. a propriedade é uma forma de capitalizar a natureza que o imbecil do ser humano inventou. os muros, então, para que servem os muros? pra impedir ladrões? sim. pra garantir privacidade? sim. mas servem também pra acabar com o direito natural do ser humano animal de ir e vir [um direito inclusive constitucional].
já imaginou se a onda de construir muros pega tbm na zona rural? nós acabaremos por conhecer somente as ruas e as estradas. que direito tem um cidadão de tapar a visão e o usufruto da natureza? é marcelo, você é um bobo sonhador. está mais que óbvio para a humanidade que a natureza se compra e passa a ser particular. os marcianos rirão de nós um dia, ao saber que nosso planeta é um grande quebra-cabeça de proprietários. restam-nos os parques e as praças públicas."

[marcelo rubens paiva, 'feliz ano velho', p. 181-182]

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

acho q a coisa q me deixa mais 'P' da vida é duvidarem da minha palavra. ainda mais qdo se trata de um caso com provas concretas. 
e sabe, acho q nos meu atuais 20 anos de vida cheguei a conclusão de q  justificativas não resolvem, infelizmente [ainda mais se tratando de justificativas reais], pq as pessoas na maioria das vezes sentam em sua razão e nem têm a capacidade, ou boa ação [ou como quiser chamar] de te escutar, incluindo esses casos em que se dispensa justificativa por claras evidências.
sim, existem as evidências, mas sempre existem pessoas que não querem enxergar

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

céu


quando você diz:
olho para baixo e só vejo nuvens. É  sinal de que está no céu.